domingo, 8 de agosto de 2010

TOKUSATSUS

Quem um dia já não assistiu nem que de passagem as aventuras de Jaspion, Changeman, Jiban, Jiraya, Flashman, Ultraman, Kamen Raider, National Kid inclusive o monstro lendário no japão Godzilla e muitos outros... e se perguntou onde essas séries se encaixam?. Bom meu amigo bem vindo ao mundo Tokusatsu!!! Tokusatsu é uma abreviatura da expressão japonesa "tokushu satsuei"traduzida como "filme de efeitos especiais". Antigamente, o gênero englobava praticamente qualquer produção cinematográfica ou televisiva que se utilizasse de efeitos especiais. Atualmente, tornou-se sinónimo de filmes ou séries live-action de super-heróis produzidos no Japão, com bastante ênfase nos efeitos especiais, mesclando varias técnicas como pirotecnia, computação gráfica, modelismo, entre outras.

História

Após o final da 2ª Guerra Mundial com a vitória dos Aliados em 1945, houve uma enorme expansão nacionalista iniciada pelos Estados Unidos, que aumentou consideravelmente a criação, divulgação e produção de heróis que exaltavam tal ideal, como Superman, Mulher Maravilha e Capitão América, entre outros. Acredita-se que o Japão, temendo que essa invasão de heróis ocidentes advindos da "nação da liberdade" (um manto sob o qual cobria-se os heróis norte-americanos) se alastrasse pelo seu território, resolveu iniciar os primeiros projetos de criação de seus próprios "heróis". As primeiras produções tokusatsu de que se tem notícia foram os longa-metragens do monstro Godzilla (produzidos pela Toho), que fizeram muito sucesso na década de 50.

Godzilla (Gojira ou no original em japonês) é um monstro fictício interpretado por um ator fantasiado (suitmation) que apareceu em filmes japoneses. Ele foi visto pela primeira vez em 1954 no filme "Godzilla", produzido pela Toho Film Company Ltd. Até o momento, Toho produziu 28 filmes sobre Godzilla. Em 1998, a TriStar Pictures produziu uma nova versão situada na cidade de Nova Iorque, com o monstro redesenhado e chamado de Zilla. Godzilla foi uma criação do produtor Tomoyuki Tanaka, do diretor Ishiro Honda, do mago dos efeitos Eiji Tsuburaya (que mais tarde viria a ser o pai da família Ultra), e do compositor Akira Ifukube.

Em 1958, a Toei Company produzia o primeiro super-herói japonês da história: Gekko Kamen (traduzido como Máscara Luar). Considerando que o Super Gigante é o primeiro de celulóide do super-herói do Japão (que só ele tinha estreado no cinema), foi Moonlight Mask, que estabeleceu o padrão como o primeiro ao vivo da TV ação do super-herói do Japão, e foi um enorme sucesso com as crianças. televisão já estava de novo no Japão, assim muitas crianças que não têm um aparelho de TV foram reunidos ao redor para vê-lo na casa de um amigo ou vizinho. As crianças também compraram capas de brinquedos, óculos, máscaras e pistolas e jogaram Moonlight Mask nos pátios das escolas e quintais.

A partir de então, o gênero começa a abranger as séries televisivas e produções cinematográficas de super-heróis. Nos anos 60, o gênero passa por uma grande "onda", desencadeada pelas novas tecnologias da época (principalmente pela televisão a cores), num período em que a produção de heróis aumentou consideravelmente e diversas produtoras engajavam-se na criação de novas e variadas produções.

Ultraman (Urutoraman) é uma série japonesa de tokusatsu que estreou em 1966. Foi um dos primeiros seriados de super-herói exibidos em cores na televisão japonesa. O sucesso de Ultraman foi tão grande que gerou uma franquia de séries e filmes que dura até hoje.


No Brasil foi televisionada nos anos 60 e 80 pelas TV Tupi, Rede Bandeirantes e TVS. Com relativo sucesso de audiência, repetiu o impacto da série National Kid, televisionada pela Rede Globo nos anos 60. Em 1996 foi reprisada pela Rede Manchete com nova dublagem, mas foi exibida por pouco tempo. Depois em 2000, passou a ser exibido na CNT.

National Kid (Nashônaru Kiddo em japonês) é uma série japonesa de tokusatsu que foi exibida no Japão de 4 de agosto de 1960 a 27 de abril de 1961. Foi produzida pela Toei Company e exibida pela NET (atual tv asahi). O seriado foi criado em 1960, por encomenda, com a finalidade de servir de merchandising para a fábrica de eletrodomésticos National Electronics Inc., atual Panasonic. A tarefa foi entregue ao mangaka Daiji Kazumine, o mesmo que algum tempo depois criaria outro herói espacial, Spectreman. O personagem deveria ter poderes especiais, voar e lutar pela paz no mundo. Levaria o nome da empresa para ajudar a aumentar as vendas. Os atores eram, em alguns casos, amadores, e os episódios foram todos filmados em preto-e-branco. A abertura dos episódios começava com os dizeres do locutor, em forma de lema: Mais rápido que os aviões a jato, mais forte que o aço!O invencível super herói, cavaleiro da paz e da justiça.... National Kid! A partir daí então era entoada a canção tema do seriado.

Ao longo do tempo, o gênero tokusatsu aumentou de forma considerável sua abrangência, atualmente contemplando não apenas as séries e filmes de super-heróis produzidas anualmente, mas também outras produções anteriormente não abrangidas (como as adaptações live-action de mangás ou animes, por exemplo).


Atualmente, quatro produtoras japonesas se destacam na produção de tokusatsus, apesar de existirem outras que também produzem o gênero, porém em número limitado. A supremacia da Toei é notável em relação a empresas menores, como a Toho ou a Takara, em razão de sua riqueza de subsídios e quantidade de patrocinadores, o que traz mais aprimoramentos aos projetos das séries. Porém, a Tsuburaya, por produzir apenas o gênero Ultraman, também se destaca por aperfeiçoar cada vez mais o género e vem ganhando espaço na modernidade. Produtoras como a P-Productions, que se destacou em séries como Lion Man e Spectreman (além de uma infinidade dos chamados Kyodai Heroes), estão atualmente extintas/falidas.


FUUN RAIONMARU

Poderoso "LION MAN" (como é conhecido no Brasil), é um Tokusatsu (seriado japonês), do gênero Henshin Hero, que estreou no Japão em 14 de abril de 1973, onde foi exibido semanalmente às 19:30hs. O mesmo teve sua estréia no Brasil pela TV Manchete em 1989.







Spectreman

"Em japonês: Supekutoruman, Spectreman no Brasil" é uma série de TV japonesa do gênero tokusatsu, produzida pela extinta produtora P-Productions e exibida em seu país originalmente entre 2 de janeiro de 1971 a 25 de março de 1972 pela TV Fuji, totalizando 63 episódios. Foi um grande sucesso em seu país de origem e no Brasil, onde tornou-se um fenômeno cult nos dias atuais. Exibida no Brasil inicialmente pela Rede Record no final da década de 1970 e pela TVS (atual SBT), na década de 80. Inicialmente, o título da série era Símio Espacial Gori (em japonês: Uchū Enjin Gori), nome que se manteve dos episódios 1 ao 20. Do episódio 21 ao 39, tornou-se Símio Espacial Gori VS Spectreman (em japonês: Uchū Enjin Gori tai Supekutoruman?), e do episódio 40 até o final simplesmente "Spectreman".


GÊNEROS

As séries tokusatsu são divididas em grupos ou franquias, nos quais cada um possui suas peculiaridades. São elas: Sentai ou Super Sentai, Kamen Rider, Metal Hero, Ultraman, Henshin Hero e Kyodai Hero. Ainda existem sub-classificações, principalmente dentro dos Henshin Hero, como as Super Heroine, Children Hero e Classic Hero, entre outros.

Sentai/Super Sentai
A premissa básica das séries é a de um grupo de geralmente cinco heróis que ganham poderes especiais, usam roupas cada um de uma determinada cor, e possuem um arsenal incluindo mechas, robôs gigantes para combater ameaças alienígenas ou vindas da própria Terra. O termo japonês sentai, de origem militar, significa "esquadrão" e, em japonês, sua escrita é composta por dois ideogramas: "sen" (guerra) e "tai" (grupo). Exemplos:

Dai Sentai Goggle Five

"Grande Esquadrão Goggle Five ou Gigantes Guerreiros Goggle Five como ficou conhecido no Brasil" foi um seriado Super Sentai produzido entre 6 de fevereiro de 1982 e 29 de janeiro de 1983 pela Toei Company do Japão e exibido no Brasil inicialmente pela Rede Bandeirantes a partir de 1990, trazido pela Oro Filmes. Depois de um tempo passou para a Rede Record.





Esquadrão da Luz - Maskman

"Hikari Sentai Masukuman" foi a décima primeira série da linhagem Super Sentai da Toei Company, sempre em associação por Hironobu Kagueyama, famoso no Japão por emprestar sua voz a canções de séries famosas como Changeman, Dragon Ball Z e outras. Na série cinco jovens são reunidos pelo pesquisador Sanjuro Sugata (Hayato Tani), e desenvolvem o poder psíquico conhecido como "Poder Aura" tornando-se os Defensores da Luz Maskman, a única defesa da Terra contra o ataque do povo do Império Subterrâneo Tube e seu terrível Imperador Zeba (Hideaki Kusaki).


Choushinsei Flashman

"Em japonês: Chōshinsei Furasshuman, traduzido como "Supernova Flashman" e renomeado no Brasil como Comando Estelar Flashman" é um seriado televisivo japonês do gênero tokusatsu, pertencente à franquia dos Super Sentais. Produzido pela Toei Company, foi exibido entre 1º de março de 1986 e 21 de fevereiro de 1987 pela TV Asahi. Foi exibido no Brasil a partir de 1989 na Rede Manchete. Atualmente é exibida pela Ulbra TV de Porto Alegre. Ao todo, possui 50 episódios e 2 longa-metragens.

Dengeki Sentai Changeman

"Em japonês: Dengeki Sentai Chenjiman, traduzido e lançado no Brasil como Esquadrão Relâmpago Changeman" foi uma série de televisão japonesa do gênero tokusatsu, parte da franquia dos Super Sentais. Produzida pela Toei Company, foi originalmente exibida pela TV Asahi entre 2 de fevereiro de 1985 e 22 de janeiro de 1986, sucedendo Bioman e antecedendo Flashman. Fez grande sucesso em seu país de origem e no Brasil, onde inicialmente estava disponível apenas em fitas de vídeo distribuídas pela Everest Vídeo (mais tarde Tikara Filmes). Posteriormente, passou a ser exibido na televisão a partir de 1988 pela extinta Rede Manchete e, mais tarde, pela Rede Record e pela TV Gazeta.
Choudenshi Bioman

"Superelétron Bioman" é a oitava série da franquia Super Sentai, produzida pela Toei Company entre 4 de fevereiro de 1984 a 26 de janeiro de 1985, sucedendo Dynaman e antecedendo Changeman. Bioman é famosa por ser a primeira série do gênero que não se vale do expediente de agigantar um monstro derrotado para jogá-lo de novo contra os justiceiros: aqui, todos os "monstros da semana" são robôs originalmente gigantes, vários deles pilotados pelos vilões regulares. Também foi pioneira em dar importância ao robô gigante dos heróis, tornando-o peça-chave de muitas tramas—em contraste com a pouca atenção dada a seus similares nas séries anteriores (e na maioria das posteriores). Outra inovação notável: Bioman foi a primeira série a apresentar uma dupla feminina. Inédita em português, a série fez grande sucesso na França e nas Filipinas, onde foi dublada em inglês. Ao todo tem 50 episódios (mais um filme).
Metal Hero


Produzido pela Toei Company. A premissa básica era um jovem que usava uma armadura metálica de última geração para combater uma organização maligna que ameaçasse a paz na Terra. Considerada uma grande inovação do Tokusatsu à época de sua criação, o gênero sofreu grandes e variadas modificações no decorrer dos anos, sofrendo um severo desgaste que culminou com o seu fim em 1997, após a exibição da última série, B-Fighter Kabuto. Embora tenham sido produzidas outras séries após esse período (como as infantis Robotack e Kabutack), elas não são incluídas como pertencentes à franquia na contagem oficial. EXEMPLOS:


Uchuu Keiji Shaider

"Em japonês: Uchū Keiji Shaidā, traduzido como Detetive Espacial Shaider e lançado no Brasil sob o título Space Cop Sheider é uma série de televisão do gênero tokusatsu, pertencente à franquia dos Metal Hero, sucedendo Sharivan e antecedendo Jaspion. Produzida pela Toei Company, foi exibida originalmente entre 2 de março de 1984 e 1º de março de 1985 pela TV Asahi, totalizando 48 episódios. É a terceira e última série da trilogia dos Policiais do Espaço. No Brasil, Shaider foi exibido em 1992 pela Rede Globo e pela TV Gazeta no programa Gazetinha.

Uchuu Keiji Shariban

"Em japonês: Uchū Keiji Shariban?, traduzido como Detetive Espacial Sharivan, e lançado no Brasil sob o título Sharivan, o Guardião do Espaço" é uma série de televisão do gênero tokusatsu, pertencente à franquia dos Metal Heroes. É a segunda série da trilogia dos Policiais do Espaço, sucedendo Gyaban. Produzida pela Toei Company, a série foi exibida originalmente entre 4 de março de 1983 e 24 de fevereiro de 1984, totalizando 51 episódios. Foi exibida no Brasil pela Rede Bandeirantes a partir do dia 8 de outubro de 1990 à 21 de dezembro do mesmo ano. Posteriormente foi exibida na Rede Record em 1993 e na TV Guaíba, de 13 de setembro de 1993 a 15 de janeiro de 1994. Voltou a ser exibido em 1996 pela Rede Record no programa Tarde Criança.

Kyojuu Tokusou Jaspion

"Em japonês: Kyojū Tokusō Jasupion, traduzido como Investigador de Monstros Juspion, e lançado no Brasil sob o título O Fantástico Jaspion" é uma série de televisão do gênero tokusatsu, pertencente à franquia dos Metal Heroes. Produzida pela Toei Company, foi exibida originalmente entre 15 de março de 1985 e 24 de março de 1986 pela TV Asahi, totalizando 46 episódios. Foi estrelada por Hikaru Kurosaki no papel-título. No Brasil, foi transmitida pela Rede Manchete em 1988 e mais tarde pela Rede Record, obtendo enorme sucesso e desencadeando uma febre nacional pelo gênero de superheróis japoneses no país, abrindo as portas para a importação de novas produções tokusatsu. Devido à popularidade gigantesca, o personagem Jaspion tornou-se o protótipo do herói japonês, imagem que se mantém até os dias atuais. Após negociações, a série completa foi lançada no Brasil em DVD pela Focus Filmes em 2009. Atualmente é exibida pela Ulbra TV de Porto Alegre.

KAMEM RAIDER


Produzido pela Toei Company em parceria com a Ishimori Productions. Criado por Shotaro Ishinomori em 1969, o Kamen Rider foi um personagem de enorme sucesso em mangá. Adaptado para a televisão em 1971, teve diversas versões noutras séries e gerou uma franquia próprio. Ficou fora da televisão por 11 anos, porém, após a morte de seu criador, retornou ao novo milénio reformulado e com diversas inovações em relação à premissa original. Os Kamen Riders têm por característica serem super-heróis com uma roupa (atualmente uma armadura) de gafanhoto e possuirem uma moto. No mangá de Ishinomori, o Kamen Rider é um guerreiro solitário, frio e amargurado, pois foi transformado em um monstro contra a sua vontade e é rejeitado pela sociedade que protege. Porém, esse conceito foi abandonado na série de TV, a fim de que que as crianças se identificassem mais com o herói. Os primeiros Riders (Kamen Rider a Kamen Rider Super-1 e Kamen Rider ZX) eram jovens transformados em ciborgues (kaizo ningen no original, ou "humanos remodelados"). Em Black, Black RX, Shin, ZO e J, os heróis eram mutantes transformados organicamente em decorrência de alguma experiência em seus corpos. Já os Riders atuais (Kuuga até então) vestem armaduras baseadas não só em gafanhotos, mas em diferentes espécies de insetos e outros animais. No Brasil, as únicas séries exibidas foram Kamen Rider Black e sua continuação, Kamen Rider Black RX.

ULTRAMAN


Produzido pela Tsuburaya Productions. Conta a história de uma família de guerreiros que vieram da Nebulosa M-78 e procuram um hospedeiro humano na Terra para poder combater os monstros alienígenas que querem invadir o planeta. Os guerreiros Ultra e seus inimigos possuem tamanho gigante. No entanto, nem todas as séries do género possuem seres Ultra, como a pioneira Ultra Q (1966) e seu remake Ultra Q - Dark Fantasy (2004). No Brasil, foram exibidas Ultra Q, Ultraman, Ultra Seven, Ultraman Jack e Ultraman Tiga.

KYODAI

É qualquer série em que apareçam heróis gigantes não pertencentes à família Ultra. A primeira série de um herói gigante foi Vingadores do Espaço (Magma Taishi, no original). Duas semanas depois, estreou Ultraman. O género teve um boom avassalador na década de 70, o que gerou a criação de muitos heróis como Redman, Thunder Mask, Silver Kamen Giant, Mirrorman, Megaloman e muitos outros, mas acabou entrando em declínio nos primeiros anos da década de 80, o que acabou por sepultar sua produção. No Brasil, as séries exibidas foram Vingadores do Espaço (Magma Taishi ou Ambassador Magma), Robô Gigante e Spectreman.

Vingadores do Espaço ou Ambassador Magma (em japonês: Maguma Taishi) é nome de um mangá e tokusatsu criado por Osamu Tezuka.
Megaloman


"Megaroman" é o nome do titular e do super-herói de tokusatsu SF / herói / kaiju série de TV. Criado por Tetsu Kariya , produzido pela Toho Company Ltd. , indo ao ar pela Fuji TV de 7 de maio até 24 de Dezembro de 1979, com um total de 31 episódios de meia hora. Desde Episódio 14, mostra o título se tornou o Superman Flaming - Megaloman (Hono não Megaroman Chojin). Como Toho de Meteor Man Zone, a série mistura elementos da Kyodai Hero gênero com os do Sentai Series (Battle Fever J , o primeiro "Super Sentai", havia estreado na televisão em torno do mesmo tempo). Esta série apresenta um quinteto de super-heróis semelhantes aos observados no Super Sentai Series, mas tal como na Zona de Caça, equipe líder / Takashi Shishidou personagem principal se transforma em um gigante de cabelos longos, Ultraman como colosso, Megaloman.

É pessoal para os Otaku's mais velhos deu pra dah uma recordada no passado mexendo em um velho baú, aos mais novos deu pra te uma noção que no japão e nos canais abertos passavam muito mais que animes, mas ainda não termino não dexo algumas curiosidades também há vocês e pra quem se interessou confira também uma matéria com o ator que fez jaspion o que estrá e como estará ela nos dias de hoje?

MATÉRIA JASPION

RUGIDO DE GODZILLA
Sabe como eles faziam aquele rudigo de godzilla lembrado até hj pela sua originalidade? não? Os rugidos do Godzilla, que são suas marcas registradas, foram feitos por Akira Ifukube tocando um contrabaixo com um objeto de borracha.

Sabe o que é uma Técnica de suitmation?

Todos os filmes do Godzilla foram filmados usando a tradicional técnica suitmation (manipuladores de bonecos fantasia). Os bonecos são feitos de látex retardante de incêndio o que evita queimaduras de seus manipuladores. Os dentes são feitos de madeira e resina. O manipulador pode ver através dos buraquinhos no pescoço do boneco. Cabos e baterias são instalados nos bonecos para a movimentação do rosto. Fios de náilon usados por manipuladores assistentes movem o rabo.

Lembram do gênero Kyodai citado aqui?

Os heróis ou monstros gigantes? Guiodai o monstro de Changeman que deixava os monstros inimigos maiores? Guiodai=Kyodai




Homenagem ao filme King-Kong VS Godzilla na Cartoon.

No programa de televisão emitido no canal Cartoon Network, Skunk Fu no episódio Arte de controlar os sonhos Skunk transforma-se numa criatura parecida com o godzilla e às vezes ouve-se o seu rugido de marca e os Macacos Ninja fundem-se num gorila gigante que lembra muito King Kong, por isso parece uma homenagem ao filme King-Kong VS Godzilla.

KIDÔ KEIJI JIBAN
JIBAN - Policial de Aço No Japão, Jiban foi exibido originalmente entre 29/01/1989 a 28/01/1990, todos os Domingos, das 9:30 às 10:00 da manhã (Episódios 1 a 9) e das 8:00 às 8:30 da manhã (Episódios 10 em diante), totalizando 52 episódios. A não ser por instrumentais das trilhas de abertura e encerramento, a maioria das BGMs de Jiban são extraídas de outras séries Metal Hero, como Sharivan (1983) e Juspion (1985). Jiban foi uma das poucas séries Tokusatsu em que o desfecho não foi exibido no Brasil, bem como Kamen Rider Black (1987), que não teve seu episódio final exibido para os brasileiros. Jiban é o percursor do sub-gênero "Police Hero", que se extenderia até Blue Swat (1994). Michiko Enokida além de interpretar a Chefe Yoko, também participou de uma das faixas da trilha sonora da série.

SEKAI NINJA SEN JIRAIYA
JIRAIYA - Incrível Ninja No Japão, Jiraiya foi exibido originalmente entre 24/01/1988 a 22/01/1989, todos os Domingos, das 9:30 às 10:00 da manhã, totalizando 50 episódios. Takumi Tsutsui, o Tôha participa da faixa "Kagayake! Jiraiya" e Megumi Sekiguchi, a Kei, da faixa "Kei to Emiha" da trilha sonora. Masaaki Hatsumi O ator que interpreta o personagem Tetsuzan Yamashi, (o qual fora entrevistado em 2002 pela revista brasileira Henshin), é também o fundador da Bujinkan (Casa do Guerreiro Divino), uma instituição que ensina o Ninjutsu (arte marcial dos Ninjas). Dr. Masaaki Hatsumi nasceu na cidade de Noda, na província de Chiba, em 2 de dezembro de 1931. Ele graduou-se na Universidade Meiji, de Tóquio, hoje ele é o diretor de sua própria clínica na cidade de Noda, sendo considerado um dos maiores traumatologistas do Japão. Ele recebeu das mãos de seu maior mestre, Toshitsugu Takamatsu (o último ninja profissional) o título de Grão-Mestre (Soke; havendo apenas um por tradição e por geração) de nove tradições marciais antigas do Japão. Uma dessas tradições é a Togakure Ryu, a qual é citada na série, e como o personagem Tetsuzan Yamashi, Dr. Masaaki Hatsumi é de fato o 34º Soke (herdeiro) da Togakure Ryu. Takumi Hashimoto, o Manabu, mais tarde interpretou o mesmo personagem em Jiban (1989) e participou da série Super Sentai Zyûranger (1992), como Bôi, o Tiger Ranger. Zyûranger aliás foi a primeira série Super Sentai adaptada pela Saban International em 1993, dando origem à série "Mighty Morphin' Power Rangers". O ator que viveu o personagem-título, também aparece no episódio 20 de Winspector (1990). * O ator que interpreta o Aman Negro é Hiroshi Kawai, o Change Griffon da série Super Sentai Changeman (1985).

KYOJÛ TOKUSÔ JASPION
O Fantástico Jaspion No Japão, Jaspion foi exibido originalmente todas as sextas-feiras, das 19:30 às 20:00 e segundas-feiras, das 19:00 às 19:30, no intervalo de 15/03/1985 à 24/03/1986, ao longo de seus 46 episódios. Possui um especial para TV, com os melhores momentos da série. Jaspion é a junção das palavras JUStice+chamPION (Campeão da justiça). Hiroshi Watari, o Boomerman, foi o personagem-título em Sharivan (1983) e Spielban (1986). Seimi Tsukada, a Anri, foi a Gunko em Machineman (1984). Isao Sasaki, o Professor Nambara, é um cantor. Dentre suas canções, estão os temas de Himitsu Sentai Goranger (1975) e a abertura do seriado Chôjinki Metalder (1987). No Brasil, Jaspion foi dublado por Carlos Takeshi, o mesmo que dublou o Change Griffon em Changeman (1985). O ator que interpretou o domador de Sion, Yada, no episódio 23, também atuou em Machineman (1984) no episódio 4, onde era o vendedor das batatas que causavam os resfriados.

TOKKEI WINSPECTOR

Esquadrão especial Winspector Winspector tem 49 episódios e foram exibidos no Japão originalmente de 04/02/1990 a 13/01/1991, semanalmente, aos Domingos, das 8:00 às 8:30 da manhã. Hiroshi Miyauchi, que aqui interpreta o Chefe Masaki, é um ator veterano em Tokusatsu. Dentre as séries que atuou estão JAKQ Dengeki Tai (1977) e Kamen Rider V3 (1973). Ele ainda participaria da série seguinte à Winspector, Solbrain (1991), interpretando o mesmo papel.

DANÔ KEISATSU CYBERCOP

Cybercops - Os Políciais do Futuro Cybercop possui 34 episódios e mais 2 com o resumo da série. Foi exibido originalmente no Japão todos os Domingos (episódios 1 à 24) das 10:30 às 11:00 e Quartas-Feiras (episódios 25 em diante), das 17:00 às 17:30. O período de exibição se deu de 02/10/1988 até 05/07/1989. Mika Chiba, que interpreta Tomoko Uesugi na série, é uma cantora de JPop. Sua contribuição para a trilha sonora é a música Shooting Star, o tema de encerramento. O personagem Pylo, do episódio 23 ("O homem de Hong-Kong") é interpretado por Jun'Ichi Haruta, mais conhecido pelo seu papel de Mad Galant em Jaspion. Jun'Ichi também interpretou Kampei Kuroda (Goggle Black) em Goggle Five e Ryû Hoshikawa (Dyna Black) em Dynaman. KAMEN RIDER BLACK RX

Kamen Rider Black RX foi exibido originalmente todas as semanas aos Domingos, no horário de 10 às 10:30 da manhã, começando em 23/10/1988 até completar 47 episódios no dia 24/09/1989. Junko Takahata, a Kilza do seriado Juspion (1985) volta em RX como a vilã Maribaron. Makoto Sumikawa, a Diana de Spielvan aqui participa como Reiko. A atriz também mudou seu nome artístico para Jun Kôyamaki.


KAMEN RIDER BLACK

Kamen Rider Black foi exibido originalmente todas as semanas aos Domingos, no horário de 10 às 10:30 da manhã, começando em 04/10/1987 até completar 51 episódios no dia 09/10/1988. Tetsuo Kurata, o personagem principal também cantou o tema de abertura da série. No Brasil Kamen Rider Black foi exibido com o nome de Black Kamen Rider. O episódio final da série "O último dia de Gorgon", nunca foi exibido em terras tupiniquins. O personagem principal foi batizado de Isamu Minami aqui no Brasil. Seu nome original é Kôtarô Minami. Kamen Rider BLACK e seu sucessor Kamen Rider Black RX (1988) foram os únicos do gênero a ser exibidos no Brasil.

DAI SENTAI GOGGLE V
Gigantes guerreiros Goggle V No Japão, Goggle Five passou originalmente todos os sábados, das 18:00 às 18:30, no intervalo de 06/02/1982 à 29/01/1983. Teve 50 episódios e 1 filme: "Dai Sentai Goggle Five", exibido em 13/03/1982. Cada um dos sobrenomes dos personagens principais dizem respeito a uma cor diferente. Akama (Aka=vermelho), Kuroda (Kuro=preto), Aoyama (Ao=azul), Kijima (Ki=amarelo) e Momozono (Momo=rosa). Megumi Ookawa, a Miki Momozono, participa da trilha sonora do seriado, com a música "Hanasaku Goggle Pink".
DENGEKI SENTAI CHANGEMAN
Esquadrão relâmpago Changeman No Japão, Changeman passou originalmente todos os sábados, das 18:00 às 18:25, no intervalo de 02/02/1985 à 22/02/1986. Foi a segunda série de Sentai mais longa, com 55 episódios, perdendo apenas para Goranger (1975-1977), que teve 84 episódios! Changeman inovou ao ser a primeira série Super Sentai em que se utilizava como arma fatal a bazuca, formada por partes de todos os integrantes. Esse estilo de arma se tornou padrão nas séries seguintes. Dois filmes dos Changeman foram produzidos, mas não foram lançados no Brasil. Um é o "Dengeki Sentai Changeman", exibido em 06/03/1985. O outro, "Dengeki Sentai Changeman 2 - Shuttle Base Kikiippatsu!", foi exibido em 13/07 do mesmo ano. KAGE, intérprete da trilha sonora dos Changeman, era o nome artístico de Hironobu Kageyama na época. Ele é intérprete também de várias outras séries Tokusatsu e Animes. Aira, a garota do arco-íris que aparece no episódio 45, é Yôko Nakamura, que meses depois, viveu a Sara (Yellow Flash) em Flashman.

CHÔSHINSEI FLASHMAN
Comando estelar Flashman No Japão, Flashman passou originalmente todos os sábados, das 18:00 às 18:25, no intervalo de 01/03/1986 à 21/02/1987. Teve 50 episódios e 2 filmes: "Chôshinsei Flashman", exibido em 15/03/1986 e "Chôshinsei Flashman Dai Gyakuten! Titan Boy", uma compilação dos episódios em que Titan Boy aparece pela primeira vez, exibido em 14/03/1987. Flashman foi a primeira série Sentai a apresentar mais de um Mecha (Robô gigante), o que viria a ser padrão em quase todas as séries que viriam a seguir. Jin, Dai e Bun são os nomes originais de Din, Dan e Gô respectivamente, como ficaram conhecidos no Brasil. Sayoko Hagiwara, a Nefer, atuou como heroína no seriado Sentai "Kagaku Sentai Dynaman" (Esquadrão Científico Dynaman) (1983), como Rei Tachibana, a Dyna Pink. Yôko Nakamura, a Sara, participa da trilha sonora do seriado, com a música "Body Action, Dance Ja nai wa yo". Essa música aparece com destaque no episódio 5 ("O sucesso das guerreiras"). Hiroshi Kawai, mais conhecido por interpretar Shô Hayate (Change Griffon), aparece no episódio 21, fazendo o papel de Miran, o suposto irmão de Sara Bom é isso mas quer matar um pouco mais da saudade ou curiosidade acesse nosso canal no youtube e veja algumas aberturas de tokusatsu: Canal Kosplayers. Janaa pessoal XD


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Otakus, Nerds, Gamers e Geeks online no momento...